terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Urgência



Aqui. Agora.
Sem meias-palavras.
Sem palavra nenhuma.
Só mãos... Só toques.
Da boca quero só gemidos.
Beijos... Chupões... Lambidas.
Não quero delicadezas.
O pudor pendurei na porta. A inocência joguei pela janela.
O amor está ali... na cabeceira da cama, esperando tudo acabar.
Porque nesse momento,
tudo que eu quero
é o tesão mais louco,
e o prazer mais selvagem
que você puder me proporcionar.

Por Deby. Dá página  Perigosamente Quente.
https://www.facebook.com/PerigosamenteQuente?fref=ts

Beijinhus*
Cris

10 comentários:

  1. Versos escritos com suor...

    Beijo

    ResponderExcluir
  2. tudo tem o seu momento,
    inclusive "beijos, chupoes e lambidas sem nenhuma delicadeza"

    gostei demais daqui
    delicia de blog!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cada coisa no seu devido tempo.
      Fico feliz em saber que gostou. volte sempre.

      Beijos.

      Excluir
  3. Respostas
    1. Assim é que é bom não é Guilherme?? rsrs

      Beijos.

      Excluir
  4. Delicia,nada como um sexo sem pudor,sem palavras,viver o momento deixar o tesão nos levar.

    A Deby escrever muito bem,obrigada Cris por trazer os textos dela para nós.

    Beijinhos

    Anita

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que é bom,tem que ser compartilhado né minha querida? rs.

      Beijos.

      Excluir
  5. Adoro esse sexo louco....sem pudor....

    bjsssssss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também hot. É uma delicia quando cedemos ao desejo.

      Beijos.

      Excluir